Iniciam os planejamentos da 28ª ‘Marcha para Jesus’ de 2022 em Manaus


MANAUS| A Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) e a Comissão Especial de Grandes Eventos da Prefeitura de Manaus, em apoio a Ordem dos Ministros Evangélicos do Amazonas (Omeam), planejam a realização da 28ª edição da “Marcha para Jesus”, tradicional evento religioso, previsto para acontecer no mês de maio, com o tema “Sem Mim, nada podeis fazer”.


Alguns pontos para a realização do evento foram discutidos entre a Manauscult e representantes da Omeam, entre eles: o avanço da vacinação contra a Covid-19; os protocolos sanitários de prevenção e combate ao novo coronavírus; o percurso e a interdição de vias durante caminhada, e concentração no Centro de Convenções, o “sambódromo”, localizado na zona centro-oeste.



“Mais que planejar a retomada dos grandes eventos na cidade, estamos focados em preservar vidas. É esta a determinação do prefeito David Almeida. Mas, diante da previsibilidade, é indiscutível a necessidade de se planejar com antecedência a realização de um evento, e é isso que estamos fazendo, porém, quem vai definir a realização ou não, são os órgãos de controle em saúde”, avaliou Alonso Oliveira, diretor-presidente da Manauscult.


De acordo com o pastor Valdiberto Rocha, presidente da Omeam, o tema desta edição propõe uma reflexão profunda à sociedade em relação ao momento difícil atravessado pela humanidade, nos últimos dois anos, durante a pandemia da Covid-19.


“Como cristãos, reconhecemos o poderio do Criador sobre nós e sobre todas as coisas. Nos dois últimos anos perdemos vários entes queridos; o desemprego assolou muitas famílias; a fome assolou muitas vidas e, se ainda estamos de pé, é por que Ele nos permitiu. Sem Ele, não podemos nada. É importante que os cristãos tenham isso em mente”, concluiu Valdiberto.


O formato do evento, estimativas de custos e atrações previstas serão apresentadas ao presidente da Comissão Especial de Grandes Eventos da Prefeitura de Manaus, nos próximos dias, durante uma nova reunião.


Informações: ManausCult