Anatel adia mais uma vez chegada do 5G em Manaus


MANAUS| A Agência Nacional de Telefonia (Anatel) adiou, novamente, a data de ativação do 5G em Manaus. A informação foi dada na tarde de quarta-feira (05) e surpreendeu, inclusive, as empresas de telefonia que já estavam preparadas parar o sinal da nova tecnologia nesta quinta-feira (06).

Essa é a quarta vez que há mudança no calendário de instalação do 5G na capital amazonense, que deveria ter chegado a cidade ainda em setembro. Segundo mensagem da assessoria de comunicação da agência federal, a instalação de fato estava prevista para quinta-feira, mas isso só ocorreria se as estações estivessem licenciadas. “Nesse sentido, o 5G só pode ser ativado com a conclusão do processo de licenciamento, que inclui a compensação bancária. Provavelmente as empresas terão concluído o processo no dia 7”, disse a Anatel reforçando que o edital do Leilão do 5G prevê que até o dia 28 de novembro para ativação das estações e “essa data permanece inalterada”. Além de Manaus, Belém, Macapá, Porto Velho e Rio Branco estavam previstos para receber o 5G.


A capital será uma das últimas a ter a tecnologia, mas as operadoras de telefonia já estão preparadas para disponibilizá-la. Porém, nem todos os manauaras terão acesso à quinta geração da internet logo nos primeiros meses, pois a instalação será gradual.

Aparelhos Para quem vai usar a tecnologia pelo aparelho celular, antes de tudo, é necessário verificar se o smartphone é habilitado pela Anatel para receber o 5G. No site da agência foi disponibilizada uma platafoma para consulta dos modelos homologados no Brasil. Claro Para os clientes da Claro Brasil, a operadora explica que a infraestrutura para recebimento da nova geração da internet está pronta e apenas aguarda o aval da Anatel e do Gaispi. Dezoito bairros serão contemplados na primeira etapa de implantação (ver tabela ao lado) e a mancha de sinal está disponível no site: claro.com.br/5Gmais. Além de novos pacotes para quem deseja mais internet, a Claro também criou alternativas para o mercado coorporativo. A expectativa é que neste primeiro momento o alcance de velocidades nos smartphones seja entre 600 Mbps e 800 Mbps, chegando até 1 Gbps. “A adoção do Claro5G+ não vai exigir nenhuma alteração de contrato. Qualquer cliente com aparelho compatível e em área com cobertura pela tecnologia pode ter acesso ao Claro5G+ sem necessidade de mudar de plano ou de chip”, diz um trecho do texto enviado à imprensa. Já quem é usuário da Vivo vai ter o sinal de 5G disponível em 16 bairros (ver tabela). A empresa espera que nos próximos dias 28% da capital seja contemplada com a inclusão Nova Esperança, Petrópolis, Santo Antônio e São Francisco. Vivo O diretor da Vivo na Regional Norte, Marcelo Campos, destacou que a empresa foi a que mais arrematou frequências no leilão do ano passado, com um investimento total de R$ 4,5 bilhões.

Somente no Amazonas foram investidos de R$ 63,8 milhões, recursos majoritariamente destinados para as operações móvel e fibra.


“De forma geral, a rede 5G traz benefícios imediatos aos consumidores a partir de uma internet móvel de ultravelocidade até 10x mais rápida que o 4G, garantindo, por exemplo, realizar o download de um arquivo de 1GB em aproximadamente dez segundos, dependendo do volume de tráfego no momento”, disse a empresa.


Aguardamos o posicionameno da Tim Brasil sobre os bairros em que a empresa disponibilizará o 5G para os seus usuários.

No entanto, até o fim da apuração desta reportagem as informações não foram enviadas pela assessoria.


Já possuem estações de 5G em operação as cidades de Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Florianópolis, Goiânia, João Pessoa, Natal, Palmas, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Vitória.