22 casos da Covid-19 pela variante Ômicron são confirmados no Amazonas

AMAZONAS| A Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) e da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), do Governo do Amazonas, confirmou, nesta segunda-feira (10/01), a identificação de mais 21 casos de infectados com Covid-19 pela variante Ômicron, totalizando 22 casos no Amazonas.


A identificação dos 21 casos foi emitida por relatório, nesta segunda-feira (10/01), pelo Instituto Leônidas e Maria Deane (Fiocruz Amazônia). O instituto realiza o sequenciamento genético identificando a linhagem do novo coronavírus, a partir das amostras coletadas nas unidades de saúde do Amazonas, incluindo os postos de testagens nas três portas de entrada do Amazonas (Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, Porto de Manaus e Terminal Rodoviário Eng. Huascar Angelim).


O Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde do Amazonas (CIEVS-AM), coordenado pela FVS-RCP, emitiu um comunicado de risco ao CIEVS nacional, informando sobre os casos positivos identificados com a variante Ômicron.


No dia 7 de janeiro, foram processadas 144 amostras e 21 foram confirmadas com a nova variante. Os casos confirmados estão sendo monitorados e orientados a cumprirem isolamento domiciliar por 14 dias, com o objetivo de conter a disseminação da Covid-19.


O Secretário de Estado de Saúde, Anoar Samad, faz um apelo para que a população tome a vacina contra a Covid-19 e mantenha as medidas não farmacológicas de proteção, destacando a adesão à campanha de vacinação contra Covid-19.


“São mais de 100 mil manauaras não tomaram sequer uma dose de vacina, mais de 500 mil amazonenses não tomaram sequer a sua segunda dose. Por favor, procurem logo uma unidade de suas prefeituras. Em Manaus, temos o Sambódromo e a carreta da vacinação. Usem máscaras, lavem as mãos com frequência e evitem aglomerações. Meus amigos, a luta contra esse vírus é de todos nós”, enfatizou o secretário.


A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, reforça que a população se prevenindo estará, ao mesmo tempo, contribuindo com as ações que o Governo do Amazonas está tomando para evitar a disseminação da Covid-19. “São várias ações voltadas para o controle da Covid-19, incluindo levar a vacinação para cada vez mais perto das pessoas, ofertas de testes para passageiros desembarcados, e restrição de aglomerações. Contribua e se previna, previna sua família”, acrescentou Tatyana.


A FVS-RCP reforça junto à população a necessidade de adesão às medidas de prevenção não farmacológicas, como usar máscaras faciais; evitar locais fechados e pouco ventilados; e adotar medidas de distanciamento social e de etiqueta respiratória, além da higienização das mãos.


De forma rotineira, o Amazonas mantém os Postos de Triagem (realização de testes diagnósticos para COVID-19) nos portos, aeroportos e rodoviária na capital e nos municípios do interior. Também reforça aos viajantes que retornaram de países e estados brasileiros onde foram identificados casos da variante Ômicron, que informem sua chegada ao CIEVS Estadual, através dos contatos de telefone: (92) 3182-8932 e e-mail: cievsam@gmail.com.


Referência – A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus.